Liga Europa: começa a fase de grupos!

Começa nessa quinta-feira a fase de grupos da Liga Europa, a segunda principal competição de clubes da Europa (quiçá do Mundo). O Terra transmite 24 jogos ao vivo – eu estarei em duas partidas, ao lado do comentarista Ary Pereira Jr.: Fenerbahçe da Turquia contra Olympique Marseille da França, às 14h e, logo a seguir, 16h, Bayer Leverkusen da Alemanha contra Metalist da Ucrânia. São muitos os brasileiros nos jogos, que prometem ser movimentados. Vamos às principais informações:

Liga Europa

Será a 41a edição da Liga Europa, originária da Taça dos Clubes das Cidades com Feiras, mãe também da UEFA Champions League. O primeiro campeão, em 1971, foi o Tottenham, da Inglaterra, que disputa essa edição no grupo J; o atual campeão é o Atlético de Madrid, que está nessa edição, no Grupo B.

A Liga Europa reune o segundo escalão de clubes europeus – algo similar à Copa Sulamericana. No entanto, há uma integração constante com a Champions League – é possível que um time dispute a fase eliminatória da Liga, classifique-se à Champions e, eliminado lá, volte a Liga – até para ser campeão. A competição reune 193 times – a maior goleada até aqui foi no jogo PSV Eindhoven 9-0 Zeta, de Montenegro.. São 48 equipes nessa fase com 12 grupos com 4 times, dos quais 24 se classificam.

Na próxima fase 8 melhores terceiros colocados da Champions League se juntam aos 24 da Liga, formando série eliminatória com 16 jogos, em ida e volta, até a final, em jogo único, nessa temporada a ser disputado em Amsterdã, na Holanda.

14h – Fenerbahçe x Olympique de Marseille – Estádio Şükrü Saracoğlu, Istambul, Turquia

Duelo entre duas equipes candidatas às vagas no Grupo C – que ainda tem Borussia Monchengladbach da Alemanha e Limassol do Chipre – que tem três brasileiros nos elencos: Alex (ex-Coritiba, Palmeiras e Cruzeiro) e Cristian (ex-Atlético e Corinthians) pelo Fenerbahçe e Lucas Mendes (ex-Coritiba) pelo Olympique.

Os dois primeiros devem ser titulares. Alex chegou a ser barrado pelo técnico Aykut Kocaman na fase de classificação da Champions League. O Fener acabou eliminado pelo Spartak Moscow na única derrota dos turcos no ano. Alex é o segundo maior artilheiro da história do clube, com 136 gols em 234 jogos – e seis títulos em 8 anos na Turquia. Aykut é o primeiro, com 150 gols em 210 jogos – o que seria o motivo do afastamento. Cristian tem sido banco no campeonato turco, no qual o Fener é o 4o colocado. No entanto, entrou no último jogo e garantiu a vitória aos 44 do 2o tempo contra o Mersin, por 2-1. Outro destaque é o holandês Dirk Kuyt, ex-Liverpool, que marcou 3 dos 7 gols do time nas fases eliminatórias da Liga. Na temporada (que é iniciada em agosto), o Fener fez 8 jogos, com 3 vitórias, 4 empates e 1 derrota.

Será a 21a Liga Europa do clube fundado em 1907, que nunca chegou à final. No entanto, seu estádio, cujo nome (pronuncia-se Xu-cru Sara-tcholo) homenageia um presidente do clube, recebeu a decisão na temporada 2008/09, quando o Shaktar Donetsk da Ucrânia bateu o Werder Bremen por 2-1 e ficou com a taça.

No Olympique, Lucas Mendes está fora, recuperando-se fisicamente. Ele é o único brasileiro do time que tem como destaque os irmãos ganeses Jordan e André Ayew, ambos da seleção de Gana e filhos do ídolo do OM Abedi Pelé, campeão europeu em 92/93. O time francês, fundado em 1899, chegou à duas decisões de Liga Europa. Esta será a 12a participação. Em 1999, perdeu para o Parma, da Itália; em 2004 nova derrota, desta vez para o Valência, da Espanha. O Marselha ainda é vice uma vez da Champions League – mas na UCL comemorou uma taça, em 1993, ao bater o Milan na decisão.

Nesta Liga Europa, o OM passou por duas eliminatórias. Na primeira, eliminou o Sheriff da Moldávia (2-1 fora e 0-0 em casa) e o também turco Eskişehirspor (1-1 fora e 3-0 em casa). O Olympique lidera o campeonato francês 2012/13 com 15 pontos em 5 jogos. Na temporada, iniciada em agosto, fez 9 jogos, vencendo 2 e empatando 1.

As duas equipes tem histórico de suspensão em ligas europeias. Em 1992/93, envolvido em um escândalo de compra de resultados no campeonato francês, o Olympique, então campeão europeu, foi rebaixado para a Série B francesa, perdeu o título francês e perdeu o direito de disputar a Champions do ano seguinte – mas manteve o título continental.. Já o Fenerbahçe viveu situação similar em 2011/12. Então campeão turco, foi acusado de manipulação de resultados e excluído pela UEFA da Champions League. No entanto, manteve a taça nacional.

16h05 – Bayer Leverkusen x Metalist – Estádio BayArena, Leverkusen

Fundado em 1904, o alemão Bayer 04 Leverkusen (o 04, assim como no Schalke, é o ano de fundação e se pronuncia ‘null vier’) ganhou destaque no Brasil após contratar o ex-atleticano Paulo Rink, que mais tarde defenderia a Seleção Alemã ao ser naturalizado. É o favorito à ganhar o Grupo K da Liga Europa, que ainda tem Rapid Viena da Austria, o Rosenborg da Noruega e o adversário da primeira rodada, o Metalist da Ucrânia. Se teve em Paulo Rink um grande destaque, hoje o Bayer tem Renato Augusto, ex-Flamengo, como o camisa 10 do time, além do zagueiro Carlinhos, de 18 anos, que “jogou” apenas no Desportivo Brasil, time que pertence ao Grupo Traffic. Do lado ucraniano, uma enxurrada de brasileiros. O Metalist conta com o zagueiro Fininho, que passou por Juventude, Sport e Corinthians, os meias Edmar (naturalizado ucraniano) ex-Paulista, Cleiton Xavier, ex-Palmeiras e Inter, Marlos, ex-Coritiba e São Paulo e os atacantes Taison, ex-Inter (que segue em sua missão de superar Messi) e Willian, ex-Atlético, Figueirense e Corinthians. Oito brasileiros neste jogo, ao todo.

Renato Augusto está se recuperando de lesão e participou apenas do final do jogo em que o Bayer perdeu para o Borussia Dortmund por 0-3 na terceira rodada do Alemão 2012/13. O time, 5o colocado no nacional da temporada passada, é apenas o 12o no momento. Na temporada atual foram 4 jogos, com 2 derrotas e 2 empates. O Leverkusen entrou direto na fase de grupos da Liga Europa. Será a 14a participação do Bayer no torneio. A melhor de todas foi em 1988, quando o time do brasileiro Tita, ex-Vasco, reverteu uma vantagem de 0-3 do Espanyol de Barcelona e levou a decisão para os pênaltis, consagrando-se campeão. O Bayer também tem no currículo um vice-campeonato da Champions League em 2002.

No elenco rubro-negro estão dois jovens talentos da Seleção Alemã: Lars Bender, de 23 anos e André Schurrle, de 21, ambos convocados no processo de renovação do time germânico após a Copa de 2010. Apenas um jogador, o goleiro David Yelldell, tem 30 anos ou mais; o restante fica abaixo. Até o técnico é jovem: Sascha Lewandowski tem apenas 40 anos.

O Metalist entra pela 7a vez na Liga Europa. O melhor resultado foi chegar às quartas de final no ano passado. O clube, uma vez campeão soviético e duas vezes campeão ucraniano, aposta no futebol sulamericano. Além dos seis brasileiros, conta com seis argentinos no elenco, que ainda tem jogadores da Sérvia e do Senegal. Entre os “hermanos”, o atacante Jonathan Cristaldo, campeão argentino pelo Vélez em 2009, é o que melhor tem dado resultado: marcou 5 gols em 10 jogos entre Liga Ucraniana e Europa, contando as fases eliminatórias. Willian marcou 2 gols na temporada e Taison apenas 1. No entanto o artilheiro da equipe é brasileiro: o meia Cleiton Xavier tem 6 gols.

Na Liga Ucraniana, o Metalist é o 4o colocado, 10 pontos atrás do líder Shaktar. Na temporada (de agosto até agora) foram 11 partidas, com 7 vitórias, 2 empates e 2 derrotas. Pra chegar a essa etapa da Liga Europa, o Metalist venceu o Dínamo Bucaresti da Romênia duas vezes: 2-0 em casa e 2-1 fora.

Transmissões

O Terra transmite todos dos 24 jogos da primeira rodada da Liga Europa. Alguns jogos não terão narrador e comentarista, com o som ambiente do estádio de fundo. A escala é essa:

14h

Fenerbahçe SK – Olympique de Marseille, com Napoleão de Almeida
Hapoel Tel-Aviv FC – Club Atlético de Madrid, com Marcelo do Ó (Terra, 105FM SP)
SSC Napoli – AIK, com Fabio Salomão (Terra, Rádio Futebol Interior)
Udinese Calcio – FC Anzhi Makhachkala, com Reinaldo Moreira (105FM SP)
FC Dnipro Dnipropetrovsk – PSV Eindhoven, com Hugo Botelho (BandSports, Esportes FM)

16h

Bayer 04 Leverkusen – FC Metalist Kharkiv, com Napoleão de Almeida
FC Internazionale Milano – FC Rubin Kazan, com Marcelo do Ó
Tottenham Hotspur FC – S.S. Lazio, com Hugo Botelho
Sporting Clube de Portugal – FC Basel 1893, com Reinaldo Moreira
Olympique Lyonnais – AC Sparta Praha, com Fabio Salomão

Sem narração:

BSC Young Boys – Liverpool FC
FC Viktoria Plzen – A. Académica de Coimbra
AEL Limassol FC – VfL Borussia Mönchengladbach
FC Girondins de Bordeaux – Club Brugge KV
FC København – Molde FK
CS Marítimo – Newcastle United FC
VfB Stuttgart – FC Steaua Bucuresti
KRC Genk – Videoton FC
FK Partizan – Neftçi PFK
Athletic Club – Hapoel Kiryat Shmona FC
NK Maribor – Panathinaikos FC
SK Rapid Wien – Rosenborg BK
Levante UD – Helsingborgs IF
FC Twente – Hannover 96

Anúncios

Olimpíadas 2012: vai começar; veja no Terra

London Calling. Podia ser o hino dos Jogos Olímpicos 2012, que começam nessa quarta. Curiosamente, começam oficialmente só na sexta, com a cerimônia de abertura.

Mas nessa quarta, já tem bola rolando. O futebol feminino abre a competição. No dia seguinte, o futebol masculino – e a busca pela inédita medalha de ouro – começam.

Estou no grupo de transmissão que o portal Terra terá, ao lado de grandes narradores, como Hugo Botelho (Rádio Bradesco Esportes), Jorge Vinícius (PFC), Reinaldo Moreira (105 FM/SP), Marcelo do Ó – que estará ao vivo em Londres – e outras revelações, assim como grandes nomes do esporte: Careca (ex-SPFC, Guarani e Napoli), Jaime Oncins (tênis), Danielle Zangrando (judo), Montanaro (vôlei), Milene Domingues (futebol feminino), Ary Pereira e outros mais. Além de uma grande e competente equipe de produção e coordenação, chefiada por Carlos Sartori e Everton Constant.

O Terra tem exclusividade nos direitos de transmissão em internet. Serão mais de 10 canais, com a possibilidade de você montar sua programação, sempre com eventos ao vivo e em HD. Pode assistir no computador, no lap top, tablet e até no celular. E o principal: pode interagir, em tempo real, com narradores e comentaristas, manifestando sua opinião. O esporte não para durante todo o dia de jogos, até dia 12 de agosto.

Para assistir, acesse o site e procure pelo Terra TV/London 2012.

Estarei em Honduras x Marrocos, na quinta, 7h45, pelo grupo D do futebol masculino.

Ao longo dos jogos, dividirei com vocês as escalas.

Antes de quinta, porém, o Terra transmite a rodada completa do futebol feminino (fará o mesmo com o masculino na quinta). Veja os horários dos jogos:

Quarta, 25/07 – Futebol Feminino

11h45 – Grã-Bretanha x Nova Zelândia, c/ Hugo Botelho, Milene Domingues e Bruno Prado
12h45 – Japão x Canadá,  c/ Jorge Vinícius e Ary Pereira
12h45 – EUA x França, c/ Reinaldo Moreira
14h30 – Camarões x Brasil, c/ Hugo Botelho, Milene Domingues e Bruno Prado
15h30 – Suécia x África do Sul, c/ Leandro Bollis e Ary Pereira
15h30 – Colômbia x Coréia do Norte, c/ Gomão Ribeiro e Bruno Prado

Quarta, 25/07 – Futebol Masculino

7h45 – Honduras x Marrocos, c/ Napoleão de Almeida e Ary Pereira
10h15 – México x Coréia do Sul,  c/ Reinaldo Moreira e Careca
10h30 – Espanha x Japão, c/ Jorge Vinícius e Bruno Prado
12h45 – Emirados Árabes x Uruguai, c/ Gomão Ribeiro e Ary Pereira
13h – Gabão x Suíça, c/ Antônio Marcos
15h30 – Egito x Brasil, c/ Hugo Botelho, Careca e Bruno Prado
15h30 – Bielorrússia x Nova Zelândia, c/ Fábio Salomão e Ary Pereira
15h45 – Grã-Bretanha x Senegal, c/ Leandro Bollis

Clubes pedirão antecipação da Série Prata

Clubes da Série Prata pedirão arbitral antecipado

A reunião de hoje na Sede Kennedy do Paraná Clube firmou a intenção entre 8 dos 10 clubes da competição em pedir oficialmente para a FPF a antecipação do arbitral da Série Prata 2012, o que significa dizer que o pedido da maioria será pelo início antecipado da competição.

Jr. Team, de Londrina, e Grêmio Metropolitano, de Maringá, foram os únicos que não compareceram a reunião e mantém-se contrários a antecipação. No entanto, o “C10” (apelido dado pelos clubes da reunião ao grupo favorável) não acredita que a unanimidade seja necessária para que a competição se antecipe. Hélio Cury, presidente da FPF, segue falando nesta necessidade, mas já demonstrou ceder em prol da escolha da maioria no vídeo disponível nesse link. Disputam a competição Paraná Clube, Agex/Iguaçu, Nacional, Cincão EC, Jr. Team, Grêmio M. Maringá, Foz do Iguaçu, Serrano, FC Cascavel e Cascavel CR.

A Série Prata pode ter redução de duas equipes. FC Cascavel e Grêmio Metropolitano revelaram problemas financeiros dada a precariedade econômica da segundona local e podem rever a idéia de disputar uma competição que, caso a FPF não marque o arbitral ainda na próxima semana, pode se arrastar até janeiro de 2013, pelos conflitos de tabela do Paraná na Série B nacional. O maior temor dos clubes do interior é ter que manter a estrutura ativa por mais de 4 meses.

O Paraná deverá jogar a temporada 2012 com um time apenas, sem inchar o elenco. É o que me garantiu o vice-presidente Paulo César Silva: “Não vamos montar dois times. Se a FPF não usar do bom senso, vamos adiar nossos jogos conforme a tabela e o campeonato se arrastará.” O Tricolor, que não ficará com Guilherme Macuglia no comando técnico ano que vem, já estuda nomes no interior do Estado. Gilberto Pereira, ex-Coritiba e Londrina, e Ivair Cenci, que jogou no Paraná nos anos 90, estão cotados.

Televisão

A Band segue tentando viabilizar a transmissão, mas trata-se de uma negociação difícil, envolvendo uma engenharia financeira complexa. Na imprensa, circula a informação de que a TV Educativa, estatal, também teria feito proposta pela competição. Nada está definido ainda, mas é possível que tenhamos uma posição definitiva nos próximos dias.

Posse

Amanhã (terça, 13/12) toma posse a nova diretoria do Paraná, às 19h.

Os bastidores da negociação pela Série Prata

Sete clubes conversaram: a Série Prata pode ser antecipada

Uma reunião entre sete dos nove clubes da Série Prata 2012 caminhou para uma boa possibilidade de antecipação da competição de maio para 18 de fevereiro. FC Cascavel, Agex/Iguaçu, Foz do Iguaçu, Nacional, Cincão EC,  Serrano e Paraná Clube conversaram na Sede Kennedy do Tricolor e assinaram um termo de cooperação mútua, tentando melhorar as condições da segundona local. Grêmio Metropolitano Maringá, Jr Team e Cascavel CR não mandaram representantes, como ilustra a foto abaixo.

A exceção do Nacional, que irá estudar o caso, todos os demais se propuseram a antecipar a competição e criaram o “Clube dos 10”, em referência aos 10 clubes da Série Prata, em uma associação informal.

Na discussão, tratou-se muito dificuldade financeira das equipes ao longo da competição que, com finais, pode ter 75 dias de duração. A reunião teve como mote a idéia de apresentar à FPF uma proposta conjunta de trabalho que, além de melhorar condições financeiras, terá que solucionar um problema: o calendário encavalado do Paraná a partir de maio.

Com base na resolução do Regulamento Geral da CBF que proíbe partidas em intervalos menores que 66 horas, os clubes querem a antecipação, apesar de algumas negativas do presidente da Federação, Hélio Cury. O problema é que com jogos nas terças, sextas e sábados, o Paraná terá rodadas intercaladas em intervalos menores ao exigido por lei, o que obrigaria a FPF a remarcar as partidas e alongaria ainda mais a competição, fazendo com que os clubes do interior tenham que manter seus elencos por um período maior do que o planejado e, por consequência, tenham mais prejuízos.

No dia 12, os clubes voltarão a se reunir e apresentarão o acordo à FPF. O grupo pretende convencer a Federação e os clubes ausentes (alguns dos quais que manifestaram contrários a idéia, como o Jr Team) a aderir ao projeto. Caso contrário, o grupo pode estudar medidas jurídicas com base no período mínimo de descanso entre jogos, o que pode atrasar ainda mais o início da Série Prata 2012. O G10 ainda entende que não é necessária unanimidade para a mudança de datas e sim maioria votante. “Não existe nenhum artigo que diga isso”, afirmou o presidente do conselho deliberativo do Paraná, Benedito Barbosa.

Televisão

Eu estive presente à reunião, representando a TV Bandeirantes. Como jornalista, entendo que é papel do veículo de comunicação colaborar com o crescimento do esporte no Estado e, amparado pelo diretor de jornalismo Fabrício Binder, o diretor geral André Aguera, o departamento comercial da Band e o empresário Sérgio Dias, da HandsUp produções, que hoje cuida do Jogo Aberto Paraná em parceira com a Band, apresentamos uma idéia para viabilizar a competição.

Nenhum acordo foi fechado, mas a Band tem interesse em transmitir o campeonato. Nos propusemos a valorizar a competição e ajudar os clubes comercialmente, deixando-os dentro do cuidado que lhes é cabido: o futebol. A idéia é aproveitar a marca do Paraná e o interesse público pelo futebol e trazer mais uma opção de entretenimento. Esperamos que o mercado aceite a idéia e que o campeonato possa ser transmitido.

A Band não tem posição política ou preferência clubística na disputa. Eu, particularmente, repito o que já disse no blog e no JAPR: é dever da FPF ajudar a todos os filiados. Se o melhor for a antecipação, e pudermos viabilizar a transmissão, acredito que será bom para todos e teremos uma boa oportunidade de fazer diferente. Caso contrário, que prevaleça a ética e a moralidade, com a FPF fazendo o melhor para todos.

Ao contrário de alguns comentários na mídia, não é idéia da emissora fazer favor ou gerenciar o campeonato. Caso a Band venha a ser a parceira da Série Prata, esta cuidará da parte comercial do projeto. Acredito que é um belo momento de combatermos o autofagismo e demonstrar maturidade, transparência e crescimento.